As viagens do Grupo de Mídia – Sing com a gente – cap. 8

A primeira viagem internacional do Grupo de Mídia foi para Nova Iorque e em 1996. Lembro que em Setembro, dia 12, estávamos ainda fundando a Singular e nem me passou pela cabeça ir junto, como também não havia dinheiro suficiente para tanto.

Essa primeira viagem foi a única em que não participei.Daí por diante só não aconteceram nos anos de 1997, 1999, 2000 e 2006.

No início era só para Nova Iorque e o Grupo tinha razão, pois era lá que encontrávamos sempre as maiores novidades, boa parte delas vindas do mundo da TV por Assinatura (que ainda engatinhava por aqui) , os maiores grupos internacionais de Revistas e aonde começaram as operações de Internet.

Quem comandava as viagens era a Dainet do Antonio Rosa Neto com a providencial ajuda do Paulo Kfoury. Essa base em NY foi contínua até 2007, com somente duas exceções: 2004, quando fomos à Boston visitar o MIT (Massachusetts Institute of Technology) e em 2005, sob o comando do Claudio Venancio, quando fomos a Lisboa – nosso primeiro pé na Europa.

A Singular foi convocada em 2009 para o maior desafio até então: desembarcar em Tóquio com toda a elite da mídia brasileira para entender as diferenças básicas do mercado de lá (vide foto do grupo). Não preciso dizer que foi um grande sucesso e a partir de então seguimos produzindo essas viagens de atualização profissional. Com a ajuda da Beth Carmona na primeira produção e do Jorge Leite na seguinte, muitos desafios foram passados para a Andrea Schnitzler e eu: Vale do Silício em 2010 / Los Angeles em 2011 / volta para Nova Iorque em 2012, até a edição deste ano, em Londres, a 13ª edição, com 90 profissionais envolvidos. Nessas viagens, acompanhamos os trabalhos de cinco presidentes do GM: Daniel Barbará, Paulo Gregoraci, Paulo Stephan, Angelo Franzao e Luiz Fernando Vieira.

Hoje parece simples e lógico pensar nessas viagens. Mas imagine isso em 1996. O Grupo de Mídia teve a iniciativa, a coragem e a premonição de um futuro mais global que se aproximava. Ganharam os profissionais, as agências, os veículos e o mercado como um todo. E essas viagens, em parte, contribuíram para a formação e o prestígio dos profissionais do setor.

Em nossa próxima conversa vamos falar sobre como a Singular construiu a sua marca. Fique ligado.

 

postado por admin em 26 de novembro de 2013, 20:24   |   0 comentários